domingo, 19 de julho de 2009

PARA COMEÇAR A PAGAR AS DÍVIDAS

Para saber quem você deve pagar primeiro siga alguns passos:

1) Tirando as despesas fixas que estão sob sua responsabilidade, quanto sobra para que seja destinado a quitação de dívidas?

2) Qual dívida cresce mais rápido? elas incidem mais juros e devem ser pagas em primeiro lugar.

3) A disposição do credor em renegociar, se ele não está disposto a ceder coloque ele no final da fila, no final ele cede.

4) O crededor que você tem dívida moral tem que ter alguma prioridade, como alguem que lhe emprestou apenas para ajudar, não aqueles que cobram juros e estão ganhando por ter emprestado.

5) Não pense no prazo agora, o importante é você diminuir o máximo o valor de pagamento mensal, embora assim que tiver em situação melhor ou receber algum extra pode antecipar pagamento e ganhar desconto.

6) Sempre que for fazer uma nova compra pense primeiro de onde sairá o dinheiro para pagar a nova aquisição já que seu salário estará muito comprometido e sempre adie a compra nem que seja por uma semana, muitas vezes quando o tempo passa a necessidade não é a mesma.

7) reveja todas as suas despesas e verifique onde pode haver redução e cortes, em momentos de aperto cada real economizado gera receita para quitar dívidas e com isso redução de juros.

8 comentários:

Anônimo disse...

minha bela conterania e gratificane e emsentivador o teu blog sobre fuinanças grato pelas dicas grato carlos melo

Luciano Camilo disse...

Parabéns pelo site! Achei muito legal e vou guardar no meu favoritos para novas consultas!

Tenho um blog também sobre finanças pessoais, mas o foco principal do meu site é no controle das despesas (é um aplicativo on-line de controle de gastos). De uma olhada lá depois e me fala o que achou!

Bruna disse...

Olá Aldineide...parabéns pelas orientaçoes praticas e beneficas.Eu e meu esposo estamos passando por uma situação financeira dificil e se possível gostariamos muito de sua orientação,talvez ate uma consultoria particular se necessario.Fizemos um emprestimo no banco real de 26.000,00 pra cobrir um outro emprestimo que nao conseguimos quitar como na epoca era a unica solução fizemos 36 parcelas de 1410,27.Conseguimos pagar ate a sexta parcela.Passamos por uma transferencia profissional e surgiram imprevistos.Entramos outra vez no cheque especial de 7.000,00 e cartão de credito 5000,00.Sem falar que tbem utilizamos banco do brasil divida que hoje de estar em torno de 2500,00.Temos renda liquida de 4.700,00.Entramos em contato com o banco real pra tentar negociar pelo menos o emprest. pessoal e o gerente disse que devemos dar entrada de 30%.Com isso a divida ta aumentando.Por favor nos ajude,o que vc acha que pode ser feito...Aguardo resposta

Aldineide Rios disse...

Oi Bruna, não desespere porque tem solução...
Escreva para meu email felizsemdividas@bol.com.br que te mando orientações mais detalhadas.

Estou esperando.

Anônimo disse...

Consolador esse site pois tudo desabou derrepente sobre mim,noivo desmpregado,gravidez inesperada,pagamento em atraso,dividas vencidas,pai doente,não passei num teste de um bom emprego e minha carteira ainda não foi assinada. Pelo menos sei por onde começar.Obrigada!

Aldineide Rios disse...

Amigo, calma... tudo na vida passa, inclusive essa maré ruim.

Vivemos de fases e nem todas são boas, mas de todas tiramos lições, aproveite, são nos momentos de dificuldades que soltamos a criatividade para atravessar os problemas financeiros. Abra a mente e observe as oportunidades ao seu redor, use seu talento e começe uma atividade rentável.

Parabéns pelo bebê e sucesso na vida profissional.

Luciene disse...

BOM DIA!!

PRECISO MUITO DE SUA AJUDA POR FAVOR ESTOU COM UMAS DIVIDAS E ESTOU NA DUVIDA DE QUEM PAGAR PRIMEIRO. ME AJUDE

Aldineide Rios disse...

Quer uma consultoria financeira on line?

mais informaçõe se para marcar através do email: semdividas@bol.com.br